Serra terá que explicar a Privataria Tucana

A hora do acerto de contas da nação brasileira com a quadrilha de entreguistas formada pelo ex-presidente Fernando Henrique Cardoso e seu ministro José Serra está cada vez mais próxima. Quase um ano após a publicação do livro A Privataria Tucana de Amaury Ribeiro Jr., há poucos meses das eleições municipais, a sociedade vai reforçar a exigência de um enfrentamento direto do assunto por parte dos responsáveis, especialmente de Serra, que é candidato do PSDB à prefeitura de São Paulo. Os movimentos sociais se organizam desde já para inserir na pauta da discussão eleitoral os crimes cometidos durante o processo de privatização do patrimônio do Estado brasileiro pelo governo de Fernando Henrique. Mais de 25 empresas publicas foram “entregues” ao setor privado internacional. Um verdadeiro golpe contra o bem comum do povo, que precisa ser conhecido por todos.

Por esta razão, na próxima segunda-feira, 23 de julho de 2012, ocorrerá uma grande panfletagem contra a Privataria Tucana, organizada por alguns dos mais importantes movimentos sociais do País. Ela acontecerá a partir das 16h na Praça de Ramos, que eu imagino ser em São Paulo. De qualquer forma, o que importa é que todos tenhamos uma ideia do que ocorreu no Brasil naqueles tristes anos de neoliberalismo. Uma boa sugestão é a leitura da reportagem abaixo, que, de forma resumida e clara, dá uma excelente noção do mal que foi feito a todos por interesse de uma minoria que só tem olhos para a metróplole colonizadora.

Reportagem sobre a Privataria Tucana no Brasil de Fato.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: