Para onde o mundo caminha?

No voo de Paris a Frankfurt, pude ler o jornal Libération número 9.772 de 11 de outubro de 2012. A Lufthansa gentilmente fornece gratuitamente aos seus clientes exemplares de jornais do mundo todo.

Ainda atordoado com a lógica do Supremo Tribunal Federal (STF) para condenar os políticos do Partido dos Trabalhadores (PT), resolvi me ater aos problemas alheios para esquecer o surrealismo jurisprudencial da suprema corte brasileira. Eis que me deparo com as seguintes frases, traduzidas livremente:

Eu ainda nao consigo aceitar a ideia que uma criança possa ter dois pais do mesmo sexo. (François Fillon, ex-primeiro-ministro da França entre 2007-2012).

Entre obedecer a Deus e obedecer aos homens, minha escolha está feita. (Raymond Occolier, prefeito de Vauclin, opondo-se ao casamento civil homossexual).

Nao comprendemos esta diferenciação. Ela demonstra uma aplicação seletiva da lei pelo tribunal. (Mark Feyguine, advogado dos membros de grupo russo Pussy Riot, presos por protesto contra Vladimir Putin numa igreja de Moscou em fevereiro de 2012).

Um de meus amigos organizava festas das quais participei. Como lá havia prostitutas, acusaram-me então de ser o chefe de uma rede de prostituição a meu serviço, isto é, de ser um cafetão. Isso é tão artificial quanto absurdo. (Dominique Stauss-Kahn, socialista da França, ex-chefe do FMI, acusado de estupro de uma camareira de um hotel em Nova York).

Num único jornal, consegui perceber com uma preocupação ainda maior que os abusos de natureza fascista praticados por alguns agentes públicos brasileiros contra membros de uma determinada linha política são exemplos de um fenomeno global de intolerância e autoritarismo. O Brasil deu um passo atrás, mas tem sido mal-acompanhado por outros.

A luta pela democracia é uma batalha diária e intermitente.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: